quarta-feira, 7 de abril de 2010

SOU EDUCADORA...

Quando digo que sou educadora de infância
em geral, respondem com um "Ah".
Tão insípido, que gostaria de dizer:

Em que outra profissão poderias pôr laços
no cabelo, fazer penteados inovadores e ver
um desfile de moda todas as manhãs?

Onde te diriam todos os dias "És Linda"?!!!

Em que outro trabalho te abraçariam para te
dizerem o quanto te querem?

Onde serias tão importante que pudesses
chegar à estrela do desfile... para lhe limpar
os macacos?!

Em que outro lado te esquecerias das tuas
tristezas para atender a tanto joelho esfolado,
e coração afligido?

Onde receberias mais flores?

Onde mais poderias iniciar na escrita uma
mãozinha que, quem sabe um dia poderá
escrever um livro?

Em que outro lugar receberias de presente
um sorriso?

Em que outro sítio te fariam um retrato grátis?

Em que outro lugar as tuas palavras causariam
tanto admiração?

Em que trabalho te receberiam de braços abertos
depois de teres faltado 1 dia?

Onde poderias assistir, na primeira fila a execução
de grandes obras de arte?

Onde poderias apronfundar os teus conhecimentos
sobre bichos da seda, caracois, formigas e borboletas?

Em que outro sítio derramarias lágrimas por ter que
terminar um ano de relações tão felizes?

Sinto-me GRANDE
Trabalhando com pequenos.

A todos os educadores de infância, que tanto semeiam
para que outros recolham.

A todos os que escolheram esta profissão...

Obrigado.

(desconheço autoria).

Obs: caso alguém saiba quem é o autor, avise-me para
que possa dar os devidos créditos.

39 comentários:

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Também gostaria de saber. Digno de aplausos. Eu particularmente, gostava muito das professoras(es),até já sendo bem rapaz. Outro dia escrevi algo para ajudar Anita falando de educação, onde falo que é preciso resgatar a sintonia, a parceria escola-aluno-família. No meu tempo era sim.As professoras recebiam mais respeito. Parabéns. Beijos

Misturação - Ana Karla Tenório disse...

Aninha, é isso mesmo.
O educador nem sempre é reconhecido ou valorizado como realmente merece.
E se for da Educação infantil, menos ainda.
Eu nasci pra ser educadora, já tive algumas experiências e resolvi, que quero ser uma educadora. Me falta pouco mais de um ano pra poder pegar meu diploma e seguir adiante, mas já me sinto educadora há muitos e muitos anos, pois sempre faço trabalho com crianças.
Sem falar que sou protetora delas.
Xero grande!

Sonia Regly disse...

Lindo e emocionante!!!Parabéns!!Também sou Educadora e, me sinto orgulhosa por isso.
Beijos e VALEU!!!!

IT. disse...

Bravo! eis aí,
uma verdadeira homenagem ao educador.

Educar é ensinar certo, ensinar conhecer a sua história e origem, permitindo-os, transformarem os seus saberes a favor de sua cidadania.

Tudo isto vale mais que mil tesouros.
Em minha memória ficarão para sempre o rostinho, o sorriso de cada um, suas mãozinhas a riscar papel e escrever as primeiras letras. A transformação das crianças em jovens, depois em profissionais hoje; médicos
advogados,engenheiros,professores fazendo o papel com a função de novos educadores, além disso, multiplicadores de saberes.

O brigada amiga.
Bela homenagem, sem dúvida!

SAM disse...

Querida amiga,

que texto lindo. É verdade! É uma troca de energia pura, sincera e maravilhosa trabalhar com crianças! Ser educadora é uma dádiva, uma vocação belíssima! Este texto descreve todas estas delícias.


Lindo dia. Beijos, com carinho.

C@urosa disse...

Olá minha querida e sensível amiga, a missão de formar seres livres, sensíveis e críticos para um mundo melhor. A nobre tarefa destina aos educadores.Parabéns pela lembrança e homenagem.

Paz e harmonia,

forte abraço

C@urosa

Lou Alma disse...

tu sempre encontras estes textos maravilhosos e extremamente verdadeiros. Ser educadora é de facto uma profissão que marca os outros. Acreditas que ainda me lembro da minha 1ª educadora? e guardo com carinho o 1ª trabalho que fizemos as duas para oferecer à minha mãe. São pequenos gestos de pessoas que marcam, beijos e parabéns pela postagem.

Cris Tarcia disse...

Ana,

Lindo texto,

Beijos

Wevertton disse...

Verdade eles não são reconhecido como deveriam!!
Beijos . Passa la =)

Ivana Marisa Altafin disse...

Olá,
Há muito tempo esses HERÓIS não tem o valor, o respeito e a remuneração que merecem. Lindo texto, uma bela homenagem. Bjs

Mylla Galvão disse...

Nossa! Que sensação boa Aninha!
O texto já diz tudo por si só...
Já trabalhei com crianças pequenas. Mas meu público é voltado para os adolescentes.
É mto gratificantes receber "cartinhas" delas, Flores, beijinhos... Eu adorei...
Quem sabe em outra oportunidade?
Adorei!!!

bjs

RETIRO do ÉDEN disse...

Excelente texto reflectivo.
Uma grande verdade aqui colocada nestas palavras escritas.
Bjs. sinceros
Mer

Luciana disse...

Oi Ana
Obrigada pelo carinho aqui não me sinto só me sinto muito querida.
Estou mais ou menos mas tenho terapai hoje.
Bjs
Lu

Isa disse...

De pequenina me mostraram o Valor e a importância da Educadora de Infância! Reconheço-o até hoje!
Beijo.
isa.

Ana Beatriz disse...

Tenho 34 anos e até hoje me lembro com todo carinho da minha professora do pré, a tia Áurea! As pessoas não tem consciência do qto são importantes os educadores de nossa infância...Meu sobrinho tem 5 anos e aprendeu a cuidar do Planeta(palavras dele) com a sua professora! Qdo encontra papéis no chão, pega e joga no lixo, entre outras coisas que ele aprendeu na escolinha. Os educadores são merecedores de todo aplauso e ficam marcados para sempre em nossa memória, tenho certeza disso!

Luciana Klopper disse...

Que coisa mais linda, eu sou educadora com orgulho!

Lau Milesi disse...

Olá,bela mensagem. Não há nada mais gratificante do que compartilhar, semear, passar à frente o que se sabe.
Tenho uma frase "cravada" na memória desde os meus tempos de educadora na ativa. Deixo-a pra você:
"Educar é crescer. E crescer é viver. Educação é, assim, vida no sentido mais autêntico da palavra. " (Anísio Teixeira)

Educamos a vida toda, nao é?


Beijosss

Clara Margaça disse...

Linda a sua profissão, uma maravilha ser brindada todas as manhãs pelos rostos das crianças :)

Um beijo,
Clara

Elzenir Apolinário disse...

Aninha, tirei um tempo para visitar os amigos e encontro esta maravilha. Sou educadora e perplexa com algumas situações que não posso resolver. É muito difícil desligar o emocional do nosso trabalho...Que Deus nos ajude. Bjs

Pena disse...

Linda Amiga:
Que texto mais delicioso e lindo.
Como VOCÊ!
Deve sentir-se Gigante entre os pequeninos, pois, eles dão-lhe essa atitude e conduta.
São puros. Maravilhosos. Ternos à sua maneira, mas comovem com o seu coração sempre aberto e disponível à aventura do ser.
Parabéns.
Adorei.
É linda a sua forma de comunicar. Maravilhosa que fascina.
MUITO OBRIGADO pela sua amizade e ternura.
Beijinhos amigos de felicidade perante tanta pureza.
Sempre a admirá-la

pena


Linda!
Bem-Haja, doce amiga extraordinária.

lis disse...

Que bonito Ana
Pôr laços no cabelo, fazer penteadinhos , um desfile todas as manhãs... achei lindo, vou tentar descobrif a autoria e se deixares coloco no meu blog também quando quiser homenagear essa profissao linda que é trabalhar com os pequenos.
Um beijo grande , obrigada pelo carinho.

ONG ALERTA disse...

Sou também professora e tenho maior orgulho disso...educar uma criança e plantar uma semante em seu coração...paz.

Beta disse...

Simplesmente perfeito!

Devo muito a minha primeira professora, pois foi ela que nunca desistiu de mim, me incentivando e o principal NUNCA teve VERGONHA OU MEDO de lidar comigo já que nos anos 80 pessoas como mobilidade reduzida eram tratadas como seres de outro mundo(msm com tdos os exames normais qse todas as escolas de onde eu moro não me aceitavam como aluna e insistiam para que eu fosse para uma escola especializada )
A Minha eterna Tia junto com meus pais me mostrou q eu podia mt mais do que a maioria dizia , graças a Deus!
Foste mt feliz na escolha !!!
Beijos flor !

Linda disse...

Olá!
Que bonito texto! Ser educadora é uma profissão digna e muito bonita.
Beijinhos
Linda

{♥Åññä Lµí§ä♥}_L€ØNARÐØ disse...

Boa Noiteeeeeee!
Vim deixar meu carinho e lhe
desejar uma bela noite de muita paz
Quero também te oferecer um Selinho muito especial!
(Selo sua Amizade Vale Muito)
Espero que goste!

Beijos fica com Deus!

Fernanda disse...

Querida amiga Ana,

Estive algum tempo no ensino de Inglês no Nível Preparatório.
Lidei com crianças dos 8/10 anos de idade, só dava aulas aos alunos da 3º e 4º classe.

Foi uma experiência muito enriquecedora, mesmo considerando que os meninos agora são, maioritariamente muito difíceis de controlar e alguns são mesmo violentos, mesmo já nessa idade.
Muito preocupante mesmo.

Mas as saudades dos meus meninas e meninas lindas, dos que choraram quando vim embora, dos quando ainda hoje corem para mim na rua para me abraça e beijar e gritam ...teacher... teacher...
vale tudo.

Foi com grande emoção que li este poema de hoje.
Obrigada.

beijinhos

Blog da Pra.Sandra G disse...

Amei....
Após um dia tão atribulado nada mais lindo é consolador do que está mensagem.
Realmente isto é a essencial na vida do bom educador!
Abraços

Nova Civilização disse...

Aninha,

belo texto !!! tão importante quanto os nossos Pais. Nos ensinam valores para uma vida inteira. Que carregamos em nossa história,

beijinhos no cração,

Gisele

Graça Pereira disse...

Como sempre, é um texto maravilhoso...sai-se daqui com o coração cheio-
Beijo amigo
Graça

Pérola disse...

Amiga,eu sou educadora e com muito orgulho.
A gente ganha pouco tá,ganhamos, mas nada compensa o prazer de ensinar. Me entristece quando vejo uma professora dizer:Vou empurrando com a barriga pois ñ ganho o suficiente para ser melhor do q eu sou.Eu entendo por um lado mas e os pequenos? Pagam por algo q sinceramente ñ lhes cabe essa culpa.
Eu amo os meus alunos e dou tudo de mim,hoje sou diretora e sem me fazer de rogada com mérito,mas os meus pequenos eu ñ esqueço.
Eu tenho alunos q hoje são adolescentes e passam por mim e dizem:Oi professora.Eu olho e antes de pensar:Meu Deus eu estou ficando velha rs.Eu digo:Oi meu amado como vc está? E eles me dizem:Estou bem,sentindo muitas saudades.Isso é tão gratificante.
Maravilhosa postagem amada.
Parabéns.
Um beijo grannnnnnnnnnnnde.

Sonia Schmorantz disse...

Maravilhosa esta postagem!!!
beijos

Nanda Assis disse...

linda homenagem.

bjosss...

Suziley disse...

Os educadores da infância são inesquecíveis. Eles são os verdadeiros mestres pois acalentam os pequenos e futuros escritores, matemáticos, e tantos mais. A eles a nossa gratidão e todo o nosso amor. Parabéns a mais nobre das vocações que é educar!! Linda postagem Ana, beijos, :)

Lyra disse...

Olhem este sitio absolutamente delicioso para se desenhar, "desabafar" e descontrair :o)

Percebi que não é preciso sabermos desenhar bem para ilustrarmos ou "escrevermos" o que nos vai na alma através do desenho...E às vezes é bem mais fácil desenharmos o que nos vai na alma em..."silêncio"

E podem sempre adicionar o desenho ao vosso blog ou enviá-lo por e-mail a alguém.

www.sketchtag.com - visitem - vale mesmo a pena! Divirtam-se!


Até breve.

;O)

Lyra

Lau Milesi disse...

Olá, obrigada pela visita. Faço da suas as minhas palavras. É muito bom acessar o blog e ver mas uma seguidora. A impressão que se tem é que estamos recebendo a visita no nosso mundo real, não é?
Eu adoro receber amigos na minha casa.

Beijosss

Everson Russo disse...

Deveriam ser mais reconhecidos os nossos educadores....um beijo de bom dia pra ti.

Drika disse...

Oi... tbm sou educadora e adoro o que faço, o que conheço... amo aqueles pequenos que, crescem tão rápido, né? =) É maravilhoso ver isso, acompanhar esse processo neles e ver que a vida é linda, que vale a pena qualquer coisa para ajudar alguém e vê-los sorrir.

Um bj no coração!

Drika disse...

Vc me fez lembrar de um texto que escrevi em meu blog sobre educar e que quero partilhar c vc tbm =)

"Todos os dias para mim são diferentes embora a rotina seja a mesma: ir para uma escola municipal onde trabalho. São oitocentos e tantos alunos e eu conheço cada um deles!
Nessa "arte de amar ensinando ", quem mais aprende e é amada sou eu.
Vejam só:
- Não sou mãe, mas sinto nos bracinhos de Larissa quando ela me abraça apertado um amor filial e maternal que só ela me transmite e me faz sentir;
- Admiro a responsabilidade prematura dos irmãos Mateus e Robert, tão jovens, ensinando-me com humildade e pureza o que é ter uma família unida;
- Divirto-me com Lucas e Bruno nas contações de história que ambos fazem nas salas primárias e me emociono vendo-os alegrar os pequeninos do pré;
- Tem o pequeno e desafiante César, criatura fantástica, inteligentíssimo e indomável para os parâmetros escolares "normais". Adoro conversar com ele;
- E o majestoso José... tão pequenininho e tão esperto! Todos os dias ele passa conversar comigo, as vezes até parece gente grande, e acho uma graça quando ele me chama de "o biblioteca", porque ele quase sempre esquece meu nome. Ele é um encanto;
- Há também um menininho sério chamado Maico que vive lendo de tudo e que sempre me ajuda no que precisa. Diz ele: "vou ser advogado quando crescer, minha mãe vai pagar um curso pra mim"... e olha, ele vai conseguir mesmo pois dentro dele há um censo de disciplina, caráter, responsabilidade e honestidade que não se aprende nos bancos universitários, isso já está dentro dele. Admiro a pessoa que esse menino já é;
- E tem a doce Daiane, menina meiga e companheira que me faz uma falta enorme quando não aparece. Vai ser uma eterna amiga;
- Isso sem contar o Alisson, o Estêvão, o Gilberto e mais uma turma que adorammm nos fazer rir por motivos tão bobos mas que nos arrancam risadas gostosas, verdadeiras...

Sinto nessa troca de atenção, de compreensão e de afetos a melhor recompensa do mundo e ser professora é uma das coisas mais belas que já exerci.
Meus alunos são os meus tesouros, com certeza, porque eles me fazem ser sempre melhor do que sou a cada dia. Ahhh, e eu adoro ser chamada de "prof" quando eles me encontram por aí ;)."

Abraços!

cantinho she disse...

haha que coisa mais linda, me emocionei, acredita? (rs)
Bjks!