sábado, 9 de agosto de 2008

OS CAMINHOS DA VIDA

Os caminhos da vida.
Não me levam conforme eu queria.
As estradas do meu coracão.
Fazem tantas curvas.
Percorro o caminho da solidão,
Desamparada, tristre inconsolável.
Não sei o que fazer,
O céu desabou sobre mim,
O mundo me deu as costas.
O medo da caminhada,
O medo de olhar pra frente,
Tudo me consome,
Não há ninguém.
Olhando por mim.
O egoismo me apossou.
A minha companheira é a dor.
Como são obscuros os caminhos da vida.
Como somos egoistas em tanto querer.
Como não tentar?
Os abismos que nos esperam.
Como sonhar?
Se cada passo há uma pedra ,
E em cada flor, um espinho.
Quando e como alcançaremos a verdadeira felicidade?

15 comentários:

Rai pires disse...

olá, gostei muito mesmo,seu blog ta muito bom de se visitar.Bjs Raimundo Pires

Vanessa. disse...

Adorei as palavras. Sempre com uma beleza imensa :)

Dois beijinhos.

Zé Carlos disse...

Olá Aninha querida, muito bem escrito sempre como vc faz, mas discordo de uma coisa "Não há ninguém".... não é assim... se vc soubesse como seus amigos te adoram... nunca estaria só.
Lembre-se sempre disto.
Um beijo com sabor de sábado.... ZC

disse...

nada melhor do que seguir os caminhos que a vida nos dá!
bom fim de semana!
bju

Martinha disse...

Na nossa vida por vezes atravessamos caminhos desses, mais sombrios e tristes. Mas a vida é feita de vários caminhos, e certamente nos próximos caminhos já encontrarás mais felicidade. Tem fé linda. Tudo correrá bem!
Beijinho *
Bom fim de semana.

bete pereira da silva disse...

Aninha, a verdadeira felicidade você alcançou quando escreveu e postou essa poesia aí....

Suugar disse...

nossa que bonito. Mas triste também.

mariam disse...

muito bonita esta sua prosa poética...

os amigos estão, de certeza...

quanto ao resto, como disso um amigo
"corta e voa"

bom fim-de-semana
um sorriso :)

Essência de amor disse...

Belo poema.
Enquanto existir vida nunca estaremos sós.
Querida, passe pelo meu cantinho e veja o meu caderninho amarelado pelo tempo q só postei pra vc con hecer.
Bjão da f@

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá minha querida, belo poema com um grande realismo...,Gostei!
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Essência de amor disse...

Como eu poderia esquecer? Vc é a única amiga q visita meu humilde blog.
Eu me esqueci de linckar vc, é q não sei fazer isso, toda vz q faço não dá certo, sou lerdinha...kkkk
Uthaaaaaaaa....f@

daniel disse...

Pelos Caminhos da vida

Achei o teu poema bem construído. Retrata a vida em parte, no entanto parece-me vista pelo lado menos positivo.
Claro, há que tem em conta a liberdade poética de cada um, que a pode usar, até para dizer o contrário do que pensa.
A verdadeira felicidade não se encontra, procura-se!
Essa incessante procura, protagoniza-a.
Daniel

em azul disse...

Procurando dentro de nós...

Abraço

Laura disse...

Olá!

E que tal chutar as pedras
Que se atravessam em seu caminho
E arrancar os espinhos
Desbravar a mata de seus caminhos
E chegar ao fim feliz
Por conseguir fazer um arco iris!...

A verdadeira grandeza do amor existe apenas dentro de cada um e raros são os Seres que conseguem ter dentro de si a chama abençoada...
Faço minhas as sua spalavras, mas é assim que este mundo funicona e raramente acertamos no caminho e no amor...ah o ansiado amor...
Beijinhos da laura..

Ailime disse...

Olá amiga!
Agradeço a tua primeira visita que muito me honrou!
Eu é que tive um belo presente inesperado que me deixou muito feliz!
Se me permites gostaria de dizer-te que os caminhos das nossas vidas nem sempre são os que gostamos e/ou merecemos!
Mas, é através desses caminhos sinuosos, por vezes, que aprendemos a valorizar as coisas boas da vida, por mais insignificantes que sejam!
Gostei muito do teu Blog e dos poemas, que lerei com mais atenção!
Sobre este poema gostaria de destacar este excerto:
"Não há ninguém.
Olhando por mim.
O egoísmo me apossou.
A minha companheira é a dor."
Claro que há sempre Alguém olhando e cuidando de ti. Por vezes a confusão deste mundo é tanta que nem damos por Ele, mas existe e nunca nos deixa sós!
Ele é aquele que é nos dá toda a força mesmo quando quase todo o mundo parece ter-nos abandonado!
Basta nãos nos esquecermos que Ele existe!
Um beijo muito grande e confia, confia sempre no Senhor!
Fico a aguardar mais visitas.