sexta-feira, 8 de agosto de 2008

O AMOR

Se definição não existe,
Se explicações nem chegar perto,
Se o racionalismo para ele parece,
Brincadeira de criança.
Se faz cair teoria por teoria,
Se, por lógica, nada se entende,
O que faremos com tanta inexplicação?
Mistério!
Os poetas sempre o citarão,
Os artistas o trarão para muito perto,
Os anjos o farão pulsar,
Mas só os sentidos o farão fluir,
E só os amantes o proclamarão,
Inefável!!!

14 comentários:

O Profeta disse...

Ai quem me dera agitar o tempo
Atirar a mágoa à voragem da noite
Arrancar as raízes ao pensamento
Sentir a paz que uma lagoa acolhe


Boa férias


Mágico beijo

Boa Noite Cinderela disse...

Só sentido para tentar entender.
Beijo*

Lucí disse...

iAhh o amor, tema universal, conteporâneo..nunca cai de moda, agrada sempre a todos..

Bjoss, bom final de semana!

Mello disse...

Olá!
Obrigada pela visita e comentário.
Bonito poema sobre o amor.
Aquele que nos faz girar à volta da luz como borboletas tontas...

Beijinhos,


Graça Mello

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Desculpe, vim através da Graça (Mello) e vejo que não perdi a viagem...Impecável, lindo, mas discreto, o seu blog.Parabéns!

Tata disse...

Lindo.

Sandra Daniela disse...

Parece que em cada definição vai sempre faltando mais palavras... As emocões enchem de tal forma a alma...

Lindo!!!

Monique Lôbo disse...

Ai o amor,tão dificil de explicar,tão fácil de sentir,as vezes não tão fácil assim,mas sempre muito prazeroso!
Bjusss

GMV disse...

Agradeço a visita. Voltarei com mais calma para conhecer o seu espaço. Li o poema. Gostei.
Bjs aqui de Portugal

Nanda Assis. disse...

maluco sentimento, que sentimos de eros a ágape e por mais que tentamos jamais conseguiremos esplicar.
bjossss...

Maripa disse...

Amor é fogo que arde sem se ver
É ferida que dói e não se sente
É um contentamento descontente
É dor que desatina sem doer.

Já escrevia Camões... e sempre se há-de ir escrevendo pelos tempos fora.

Lindo texto,querida.

Beijo carinhoso.

Dois Rios disse...

Você disso tudo: o amor é uma inexplicação.

Beijos,

Santhiago Ramirez disse...

Inefáveis são seus pensamentos e versos.
Adorei.
Beijos carinhosos do Thiago

* O Cantinho da Lia * disse...

Amamos com o coração...
O amor é irracional...
é cego...
é surdo...
é mudo.
O amor é inexplicável.