domingo, 10 de março de 2013

PEQUENAS GRANDES PESSOAS.



Os Tamanhos variam conforme o
grau de envolvimento.
Uma pessoa é enorme para você,
quando fala do que leu e viveu,
quando trata você com carinho e
respeito, quando olha nos olhos e
sorri destravado.

É pequena para você quando só
pensa em si mesma, quando se
comporta de uma maneira pouco
gentil, quando fracassa justamente
no momento em que teria que
demonstrar o que há de mais
importante entre duas pessoas:
A amizade, O respeito, O carinho,
O zelo, E até mesmo o amor.

Uma pessoa é gigante para você
quando se interessa pela sua vida,
quando busca alternativas para o
seu crescimento, quando sonha junto
com você. E pequena quando desvia
do assunto.

Uma pessoa é grande quando perdoa,
quando compreende, quando se coloca
no lugar do outro, quando age não de
acordo com o que esperam dela, mas
de acordo com o que espera de si mesma.

Uma pessoa é pequena quando se deixa
reger por comportamentos clichês.
Uma pessoa pode aparentar grandeza ou
miudeza dentro de um relacionamento,
pode crescer ou decrescer num espaço
de poucas semanas.

Uma decepção pode diminuir o tamanho
de um amor que parecia tão grande.
Uma ausência pode aumentar o tamanho
de um amor que parecia ínfimo.

É difícil conviver com esta elasticidade:
as pessoas se agigantam e se encolhem
aos nossos olhos.
Nosso julgamento é feito não através de
centímetros ou metros, mas de ações e
reações, de expectativas e frustrações.

Uma pessoa é única ao estender a mão,
e ao recolhê-la inesperadamente se torna
mais uma. O egoísmo unifica os insignificantes.
Não é a altura, nem o peso, nem os músculos
que tornam uma pessoa grande é a sua
sensibilidade, sem tamanho...

(Shakepeare).

Fonte da imagem:

http://www.google.com.br

15 comentários:

isa disse...

Grandes verdades,tantas vezes ignoradas!
Beijo.
isa.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Marcinha
Por isso que não devemos julgar as pessoas, essa elasticidade acaba complicando muitos relacionamentos.
Bjux

Nos Amando... disse...

maravilhosa verdade
nesse texto amei
linda semana
com pessoas verdadeiras
bjs

ONG ALERTA disse...

Amiga cada pessoa tem sua essência, ávida pode ensinar mas tem de querer aprender, beijo Lisette.

Antônio Lídio Gomes disse...

Vejamos quanta grandeza, a de Shakespeare que em sua magnitude humana compartilha conosco o que de mais belo e precioso ele possuia, que eram suas experiências de vida e visão de mundo.
Um abraço.

C@urosa disse...

Uma reflexão que muitos precisam ler, antes de qualquer coisa.

forte abraço

c@urosa

Suelen Muniz disse...

Oi Lisette,que maravilha!
E olha que já vi isso acontecer várias vezes,pessoas diminuírem ou aumentarem de tamanho conforme seu modo de ser,ultimamente tenho visto alguém diminuir,mas acredito que isso é a vida me mostrando mais uma vez quem devo ter ao meu lado.
abraço =)

poetaeusou . . . disse...

*
Uma boa escolha,
é,
cada um tem a sua verdade,
insuficiências humanas ?
talvez, ou maldade . . .
,
ondas de verdade,
deixo,
*

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei o seu blog, estive a ler algumas coisas e posso dizer que é um blog fantástico,
com um bom conteúdo, dou-lhe os meus parabéns.
Se desejar faça uma vista ao Peregrino e sevo e deixe o seu comentário.
Sou António Batalha, do Peregrino E Servo.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As palavras
que semeiam o pensar
são preciosas.
Delas nascem sentimentos
que nos tiram do lugar comum
e nos fazem sentir
o perfume
precioso da vida.

Olha o céu de manhã.
Vês como brilha iluminado
por teus sonhos...

Eliane disse...

Grande Shakespeare!
Mostra como ele tinha conhecimento da vida e do ser humano.
Beijinhos,amiga!

Sandra disse...

Oi Amiga. quanto tempo. Final de semana falei de ti aqui em casa.
Pois é, tbém vou ficar vó. O will vai ser pai.
Saudades de ti amiga.
Um grande abraço.
Te amo.
Sandra

Sandra disse...

Vc está aqui http://sandraandradeendy.blogspot.com.br/
Com muito carinho te recebo por lá.
Sandra

Anne Lieri disse...

Simplesmente lindo esse texto,Ana!Confesso que não conhecia e quantas pessoas grandes não conhecemos que na verdade ainda são crianças?E quantos que se dizem gigantes,nos soam tão pequenos?Adorei!bjs,

ONG ALERTA disse...

Beijo Lisette.