segunda-feira, 31 de maio de 2010

A AMIZADE DOS FILHOS.

No começo, bem no comecinho, eles eram
tão pequenininhos que nos sentíamos diante
de um altar.

Seres divinos, como anjos, pelos quais
deveremos zelar:

Fizeram-se inúmeras as noites em que não
dormimos, os sonhos que não sonhamos...
ou, se sonhos tivemos, foram sonhos outros,
de poder sermos felizes na felicidade deles,
pela qual veemente orávamos!

Por amor, não entramos em um esgotamento
físico.

Não queria o nosso peito de mães amorosas
choravam dores que tínhamos que adivinhar,
e vieram cólicas, diarréias, catapora, gripes,
calendários de vacinas, e... quantas mais!

Ah! Muito mais!

O pai teve que se empenhar.

A mulher, sozinha sofreria muito.

Por adorá-los superamos tudo.

Tão felizes ficávamos com a sua melhora, que
tudo o mais tornava-se ínfima poeira, para
tão logo esquecida.

Depois começaram a balbuciar, a engatinhar,
a andar e os víamos como desbravadores de
um mundo ignoto, tão cheio de vitórias!

Iamos a um céu de glórias!

Brincamos com eles nas praias da vida, enquanto
cresciam, e sorriam e riam a gostosa gargalhada
da inocência de criança.
Que tanto nos comovia!!!

Puberdade, adolescência, fomos quantas vezes
buscá-los nas baladas, nas noitadas que apenas
suportamos porque era aquele o mundo deles,
indevassável para nós, tão cheios de mistérios...
indecifráveis mistérios.

Contudo, ao seu lado permanecíamos em uma
vigília constante vigilância, sim, pois eram os
nossos anjos, ainda para nós aqueles pequeninos
seres tão desprotegidos!
E eles se achavam donos do mundo!

No vestibular, sofremos com eles.

"E o gabarito? Quantas você acertou?

Será que os deixávamos mais aflitos?
Não importa.

Sentiam o nosso zelo, a nossa ternura, a
nossa veneração por eles.

Até que de repente... formavam-se,
empregaram-se, casaram e nos deram
netos. Já não precisam de nossos olhares
tão atentos, mas continuam a amar-nos
de inigualável amor.
Como ninguém ousaria supor.

Hoje são nossos amigos, confidentes, anjos
tutelares, não mais tutelados.

Ensinam-nos coisas que nunca imaginamos
aprender, contam-nos de seus amores e até
de seus desamores.
Ouvem os nossos pavores, como ouvíamos
ante os seus noturno terrores.

Desdobram-se em mimos para conosco, seus
pais e suas mães.
São fiéis em seu afeto, e sempre nos dão
acolhida em seus enormes corações.

Filhos amigos, como são bonitos!
Como se esmeram em povoar a nossa
mente com as mais ricas emoções.
Se fomos deles a amizade primeira, temos
deles agora...:
A afeição inteira!!!
Porque são tão lindos.
Estes nossos.
Filhos amigos!


(Eliana Cruvellari).

33 comentários:

Amor feito Poesia disse...

“Há lágrimas que correm pela face
e outras que rolam pelo coração”.

(Guilherme de Almeida)


Te desejo uma semana de amor & paz!
Beijos.........M@ria

RETIRO do ÉDEN disse...

Mais um texto belíssimo.
Começo bom de semana, com estas lindas palavras.
Forte abraço
Mer

Luciana disse...

Amore,recebi um meme e achei tão legal que quis compartilhar com você.Quer participar?Vai lá em casa e dá uma olhada.
Bjos

Anita disse...

Vitória... Conquista... Amor... Paz... Felicidade... Saúde... são palavras concerteza que estarão presentes na tua vida nesta nova semana que agora está a começar!!!

Um inicio de semana maravihoso querida amiga.
Beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

Maria Beatriz Ferreira disse...

Amiga Ana,

Lindo o seu poema e mais verdadeiro não podia ser.

Parabéns pela vitória, eu votei em si, aliás toda a minha família.
David pai e filho, Rosa Branca e
Beatriz.
Sou cunhada da Ná.

Beijo
Beatriz

gorettiguerreira disse...

Na maioria das vezes os filhos nos retornam esse amor dedicado por nós por toda uma vida. Mas, e quando acontece o desprezo no decorrer dos anos e não se pode mudar nem sarar essa dor... Ser mãe será sempre um amor incondiconal.
Agradeço a Deus pelo amor de meus quatro filhos amiga.
Parabéns pela sua bela Crônica.
Bjs Goretti

Chica disse...

Muito lindo,Ana!Que tenhas uma semana bem legal!Tudo de bom,chica

Viviana disse...

Querida Ana linda

Como é que o seu blogue não haveria de ganhar a "Copa", se ele está repleto de coisas belíssimas, cheias de sabedoria e ensinamento'?

Mas que texto magnífico!
Tão lindo, tão comovente!
Tão real!

Obrigada pela partilha, amiga.

Tenha um lindo dia e uma semana muito abençoadsa

do coração

viviana

lucidreira disse...

Muito sensível as declaração de um ser adquirido que chamamos de FILHOS, é tudo de muito que os pais fazem para protege-los.
Abraço

Everson Russo disse...

Toda amizade é importante,,,a dos filhos mais ainda...faz uma união melhor...beijos de linda semana pra ti.

Valéria Sorohan disse...

Lindo poema, como sempre muito bem escolhido. Ele diz tudo sobre um amor incondicional.

BeijooO'

Nanda Assis disse...

boa semana minha queridona!!

bjosss...

Entrevidas disse...

Sem palavra! Que saudade de minha mamãe. Beijos

Lucimar Sant`Ana disse...

Olá, adorei esse texto, de uma sensibilidade incrível. Quem não quer a amizade dos filhos?
Eu venho te desejar uma semana com muita paz e amor.
Beijos.

Lucimar

Sweetie disse...

Perfeito...a mensagem, o blog...
Adorei

Beijo sereno
Beijo meu

Mariazita disse...

Amiga
Parabéns pela vitória.
Sinto-me feliz por ter contribuido, e já sabe que pode sempre contar comigo: você merece!

Beijinho

Paty disse...

lindoooo

bjs!

Isa disse...

Ana querida,ontem tive o meu Filho mais velho e a minha querida nora
aqui.
O que conversámos,o que recordámos..
Quando saíram,eu no metro e 62, ele no seu metro e 96,abraçou-me e eu chorei...
Choro de Alegria,de saudade desses abraços de filho...
Beijo.
isa

PS:- pensará que sou tonta?! Acho k ñ!Sensível? Muito!

cantinho she disse...

Uau! Que texto!
Bjo, bjo!

IT disse...

Amiga,
tenho 2 filhos moços e lindos!
a menina com 16 anos e o moço 20
Vejo neles a minha extensão de vida.
Agradeço a Deus todos os dias por tê-los. E, sua mensagem mui bem disse tudo que gostaria de dizer.

Amizade com filhos é fundamental.

bjos, grata pelo seu carinho, sempre.

Irlene

Suziley disse...

Belo texto. Filhos são presentes de Deus. Parabéns por sua vitória Ana, mais uma vez. Boa semana, beijos no seu coração ;)

Canduxa disse...

Um texto delicioso sobre os nosso filhos...
Parabéns, minha amiga, pela conquista alcançada....mereceu!

Beijinhos

Fernanda disse...

Olá amiga Ana!

Eu diria o amor dos filhos, mas é lindo demais!
Gosto muito de tudo que publica.
Parabéns.

Beijinhos

Na casa do Rau

Mauro S disse...

Oi Ana, tão lindo este texto, este sentimento, um ótimo final de noite e começo de junho, beijos, Mauro

wcastanheira disse...

Felizmente tenho um belo filho amigo e um lindo amigo filho, q bom, louvo a DEUS todo dia por esta imensa e bondosa riquesa que ELE colocou na minha vida, é mto bom é mto doce a amizade de um filho, pra vc minha linda bjos, bjose bjossssssssss

lis disse...

Oi amiga vencedora rsrs
Fico tão contente de ver que seu blog é tão querido.
Prossigamos ,certos que a amizade é o que mais importa .
Bom texto sobre a amizade dos filhos nosso bem maior.
boa semana ,
obrigada pela atençao de sempre,
muitos abraços

quicas disse...

"... Filhos amigos, como são bonitos!
Como se esmeram em povoar a nossa
mente com as mais ricas emoções.
Se fomos deles a amizade primeira, temos
deles agora...:
A afeição inteira!!!
Porque são tão lindos.
Estes nossos.
Filhos amigos!"

Ternura pura, mesmo, este belo poema! Bela escolha, a condizer com o blogue vencedor! Parabéns!
Beijinho

Luciana Klopper disse...

ficar sem tempo por conta de trabalho, tá bom! né?
rsrsr
Adoro vir ler seus textos escolhidos com tanto carinho!

Sonhadora disse...

minha querida Ana
Lindo texto que descreve o ser mãe.Lindo

Beijinhos
Sonhadora

*Teresa Cristina* disse...

Linda imagem^^
Beijos...ps: texto tbém!!!

Rosana Ibanez disse...

Que texto lindo!! Me emocionei, pois os filhos são o maior tesouro que Deus pode nos dar! E se recebemos é porque somos merecedoras, com certeza!!
Tenho certeza que meus filhos serão os meus maiores amigos, assim como sou pra eles desde que nasceram.
Lindo!!
Bjs

Ivana Marisa Altafin disse...

Belíssimo texto. Bjs

leila lacerda disse...

Ei querida, amei seu texto !!
Lindo e verdadeiro!
Beijinhos