sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

CASA DE VÓ.

Casa de Vó é o lugar mais doce do mundo!
É onde até o limão é doce e qualquer doce
fica muito mais doce!
Há sempre um rocambole fofo coberto de
açúcar em cima da geladeira.
E dentro? Nem se fala...

Há sonhos de verdade cobertos de canela.
Há biscoitos quentinhos acabados de sair.
Há suspiros dobrados e beijinhos doces.
E a melhor, a mais limpinha, a mais gostosa
cama do mundo!

Há esconderijos segredáveis e mapas de
tesouro.
Há castelos, fadas, viagens espaciais, reis,
princesas e super-heróis.
Há risos, muitos risos de sobremesa nas
mesas de domingo.

Na cada de Vó as coisas são da altura da gente
e tudo está ao alcance das mãos.
Nada é cheio de não me toque.
Tudo é à prova de neto!
Até a guerra de travesseiros vem, mas significa
paz e alegria.

Na casa de Vó dá vontade de correr e brincar o
resto da vida sem parar nunca.
Pois trincos não tem, fechaduras também não.
Casa de Vó tem é muitos braços todos abertos
a qualquer hora.
Pra casa de Vó você nunca precisa avisar que vai,
é só chegar.

Mesa de casa de Vó vive pronta!
Com toalha bem lavável, sem enfeites caros e
novos resistentes isso sim.
E tudo funciona melhor na casa de Vó.
As paredes amortecem os tombos.

O chão é menos duro.
O fogão tem mais que seis bocas, todas acessas!
A mesa, como tem pernas...
As, cadeiras, mais que dois braços aconchegando.
E Vó, sempre é toda ouvidos!

Caderno de receita de Vó então, é livro cobiçado,
já esgotado. Todos querem os segredos dos cozidos
e dos assados mas ninguém consegue jamais fazer
um igual Porque o jeito de escrever, as páginas
amarelas e as gotinhas de gordura não se fizeram
em um dia. Foram precisos muitos dias de festa e
vontade de agradar.
Lamber os dedos pode, mas só na casa de Vó.
Raspa de panela tem sempre e, o pior tem fila
também. Se escuta sempre- "Eu pedi primeiro".

Quase toda Vó tem cadeira de balanço, um chinelo
jeitoso, uma caixinha com bilhetes, lencinhos e
papéis amarelados.
Gaveta de Vó então é uma festa!
De vez em quando toda Vó dá um suspiro, bem
fundo porque tem coisas demais pra se lembrar
tendo saudade.

Há coisas que só amor de Vó faz.
Machucados, por ex, são curados com dengo e
muitos e muitos beijos.
Dinheiro de Vó rende... Pensando bem é o único
dinheiro que rende. E costura que Vó faz então?
Chega a vestir três gerações até.

As estórias de Vó, as brincadeiras e as cantigas de
ninar, só ela conhece, mais ninguém.
E o sono vem cheio de sonhos bons, quando Vó está
por perto. Porque só o cheirinho da Vó já é uma
delícia! O colo é tão gostoso e a pele tão macia que
ficam na lembrança da gente pro resto da vida.

O assunto não tem fim na casa de Vó.
Ninguém perde o fio da meada, pois é tecido com
muito interesse em escutar cada graça, cada
novidade, cada descoberta.
Há tanto caso engraçado e estórias pra se ouvir,
que ver televisão é perder tempo...

O relógio é sempre adiantado pra ninguém perder
a hora. Existe na casa de Vó a mágica do tempo, ele
obedece, vai e volta, é só querer.
E a gente é o que quer ser. Cresce, se quizer crescer.

A casa de Vó tem o maior espaço do mundo, mesmo
que não tenha espaço nenhum.
Porque o espaço maior ficou inventado pela liberdade
de rir, de correr e de gritar.
Espaço infinito que é do tamanho do coração que toda
Vó tem.


(Guiomar Paiva Brandão).

32 comentários:

RETIRO do ÉDEN disse...

"CASA de VÓ é UMA SÓ»

Uma maravilha de texto.
Obga. pela partilha
Bjs.sinceros
Mer

Luciana disse...

Oi Ana

Obrigada pelo texto gostei mesmo.

Bjs

FOTOS-SUSY disse...

OLA ANA, MARAVILHOSO TEXTO...GOSTEI IMENSO...NAO HA NADA COMO A CASA DA VO...OBRIGADA PELA PARTILHA QUERIDA AMIGA...VOTOS DE UM FELIZ NATAL E PROSPERO ANO NOVO!!!
BEIJOS COM CARINHO E AMIZADE,


SUSY

Sereia disse...

Vc está me mimando muito heim!!!
Sua mensagens são belíssimas amiga e eu estou amando, da um conforto tão grande sabia.
Amei o poema dos avós,infelizmente ñ tive oportunidades de conhecer um sequer é uma pena.
Beijos amiga.

▒▓█► JOTA ENE disse...

ººº
Obg amiga pelo teu comentário.

É muito bonito.

Que a vida te traga tudo de bom e um excelente ano de 2010

sonho disse...

Casa de vó é sempre um lugar especial...
Bom fim de semana
Beijo d'anjo

Fernanda disse...

Amiga Ana,

Tão lindo! fiquei com lágrima no olho!

Nada como as boas lembranças da casa da Avó onde há tudo, tudo mesmo. Muito afecto, muito miminho, muito docinho, muito amor...

Adorei.
Beijo

Nova Civilização disse...

Olá Ana,

a casa da vó realmente é um convite a liberdade!

"...A casa de Vó tem o maior espaço do mundo, mesmo
que não tenha espaço nenhum.
Porque o espaço maior ficou inventado pela liberdade
de rir, de correr e de gritar.
Espaço infinito que é do tamanho do coração que toda
Vó tem."

beijinhos no coração,

Gisele

HSLO disse...

Adoro a cada de Vó...nossa. Até por que boa parte de minha infância foi por lá, só sair após os 5 anos. Mas, ainda hoje vivo por lá...adoro.


abraços


Hugo

Marlene Maravilha disse...

Ahhahahah! é até engracado! Amei.
A minha casa é a casa da Vó!!!!Uma delicia, apesar dos netos ainda serem pequenos e estao longe quase todo o tempo, mas quando chegam, acontece tudo isso, assim certinho, nesta ordem!
UM FELIZ NATAL!!!!!!!!!!!!!!
beijos

Isa disse...

Chorei! Lembrei a casa de minha Vó,q.
tanto amo! Lembrei a minha Mãe que
sempre desejou ser esse "canto" para os Netos...e a minha que,de braços bem "grandes" recebe os meus Amores.
Lágrimas de Alegria! E Saudade?
Saudade boa pq.bem vivida!!
Beijo.
isa.

SAM disse...

Que lindo, amiga! E viva a " Casa da Vó"!

Carinhoso beijo, querida amiga.

* Tô gripada aff.

ONG ALERTA disse...

Sim a casa do aconchego e amor, que todos possam ter uma avó de verdade, paz no coração.

Menina Robô disse...

A casa da minha Vó paterna era desse jeitinho, lendo este poema me bateu a saudades dela, pena q ela não se encontra mais neste mundo...

Beijos!

Niny

Eliana disse...

BOA NOITE, Ana

Eu e meus filhos não tivemos este privilégio de termos uma CASA DE VÓ.

Quem tem que aproveite muito e dê muitos carinhos na vozinha, pois vó é vó, mãe é mãe, pai é pai, irmã é irmã, amigo é amigo.

Que amemos a todos com o mesmo amor, respeitando cada um com a sua maneira de ser.

Um abençoado final de semana para todos vocês, com muito amor no coração,

Fiquem com Deus,
Abraços carinhosos e fraternais,

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Tenha certeza,cheguei a sorrir,esta é a minha casa quando os netos chegam...aqui tudo pode!!!

Belíssimo texto que com certeza é de uma avó ou de uma neta que a quer muito bem!!

Beijos de avó!

Sonia Regina.

wcastanheira disse...

Acasa da vó, q lindura, lá reside o maior coração do mundo, minhas avós, estão com certeza fazendo seus cafezinhos no céu para os anjos, tb faziam um arros doce, q ficava um sonho eos sonhos então uauauu uma delicia e os doces de abóbora(jerimum) e batata doce, noooossa q loucura, garotinha vc me fez ir ao céu, q café lindo o seu, q post, tenho inveja, sabia? Tenho ciúme sabia? Não consigo imitar vc, criar um layout assim parecido com o seu, enquanto não aprendo vou parabenizando pessoas q nem vc, com seu post tão lindo, bjos, bjos, bjosss

Dois Rios disse...

Oi, Ana,

De fato a casa da avó é singular e cheia de encantos. As avós são mães sem o fardo das obrigações e deveres. Simplesmente amam.

Beijos,
Inês

rouxinol de Bernardim disse...

Bom Natal para todos!

Chica disse...

Que maravilha! Infelizmente, não tive isso de nem um lado e meus filhos também não puderamsentir isso. Os avós eram na deles e pronto.Fazer o que??? Mas por isso, sou uma vó daquelas que fazem os netinhos se sentirem bem, com limites, mas felizes.beijos,tudo de bom,chica

.Lis disse...

Oi,Ana
Casa de Vó, é quese como a casa que pretendo comprar descrita também lá no meu espaço de poesias. Tudo se transforma em sonhos.
Muito bonito e vedadeiro
meus abraços e um lindo sábado

Garota Karioka disse...

Ai, que saudade da minha vozinha.
Minha vó era extraordinária, mãe duas vezes mais!
Linda!
Lindo texto!!!!!
Bom fds!
Beijos, beijos!

Lidia Ferreira disse...

haaaaaa eu quero ir para casa da vovo
lindo poema amiga, pode sentir o cheiro de doce na casa da vovo
bjs

Fernanda disse...

Querida Ana,

Estarei sim! Sempre presente! Gente boa a gente não abandona nunca.

Feliz Natal com a sua família e Bom Ano Novo!

Tudo de bom para você e toda a sua família, todos os que você ama.

Beijos e um grande abraço da sua amiga,

cantinho she disse...

Que lindo! Mas me emocionei muito,porque só tem 25 dias que perdi minha vózinha...aff!
Lindoooooooooooooooo demais o seu post! Adorei!
Beijoooooooooooooooooo
She.

Everson Russo disse...

Ai que saudades da minha, era tudo isso mesmo, uma viagem ao passado, um carinho que a gente nunca esqeuce, fora aquele jeitinho meigo de viver a vida....beijos e otimo sabado.

Rosana disse...

Vim lhe desejar um Natal repleto de carinho, saúde, amor, paz, prosperidade e muita alegria de viver, que 2010 seja uma ano de grandes realizações, um grande beijo em seu coração!

Rosana


"Enfeite a Árvore de sua vida com
guirlandas de gratidão!

Coloque no coração
laços de cetim azul, rosa, amarelo, carmim,

Decore seu olhar com luzes brilhantes
estendendo as cores em seu semblante


Em sua lista de presentes, em cada caixinha,
embrulhe um pedacinho de
Amor,
Carinho,
Ternura,
Reconciliação,
Perdão!

Tem presente de montão no estoque do nosso coração
e não custa um tostão!

A hora é agora!

Enfeite seu interior!

Sejas diferente!

Sejas reluzente!"


(Cora Maria)

Fernanda disse...

Amiga Ana,

Meus votos de Feliz Natal.

O Natal não é somente
Celebrar solenemente
A data mais conhecida.
Natal é qualquer momento
De amor e sentimento
Que ilumina a nossa vida.

É o dar sem receber
É no coração conter
Dimensão de caridade.
É dar esmola ao mendigo
Ajudar os sem abrigo
Com franca fraternidade.

Natal é p’ro ser humano
Qualquer altura do ano
Em que visita um doente.
Quando aos fracos dá a mão
E aos tristes em solidão
Ou conforta alguém ausente.

Natal é a força maior
A grande lição de amor
Que o Homem deve saber
Sem grandes filosofias
Natal é todos os dias
Quando o queiramos fazer !...

Beijos

Andréia A disse...

Aninha!!
Tenha um Feliz Natal Querida!!
bjs

Sonhadora disse...

Ana
Maravilhoso texto...eu infelizmente não conheci as minhas avós, morreram antes de eu nascer.
deve ser muito bom.
Beijinhos

Rosana Ibanez disse...

Poxa, me bateu uma saudade! A casa da minha vó era pura magia, onde tudo acontecia e tudo era permitido.
Pena que ela não está mais aqui.
Linda poesia.
Um beijo

RITINHA disse...

OI AMIGA QUERIDA, VIM DESEJAR UMA LINDA SEMANA E TE OFERECER MEU SELINHO DE NATAL(CASO AINDA NÃO TENHO PEGO), E MEU SELINHO DE 11 MIL VISITAS DE MEU BLOGUXO.AGUARDO SUA ILUSTRE VISITA.....

ADORO-TE AMIGA!

BJKS NATALINAS!